A convergência digital possibilita um marco para a criação de produtos culturais

Ideia está na categoria Outros de autoria de Felipe Chusyd (Moreno)

A convergência digital possibilita um marco para a criação de produtos culturais

Contar histórias e conteúdos culturais e artísticos utilizando a convergência tecnológica é algo disponível porém ainda não plenamente executável. Hoje podemos montar verdadeiras experiências midiáticas que conservam sua identidade, porém podemos reuni-las em um produto único, que pode dar "água na boca" de qualquer promotor de eventos. A essência dessa convergência pode ser a síntese de um serviço que reúne um olhar profissional e artístico, no sentido estético da palavra, através do qual teria como sintetizar, no sentido de uma espécie de “olhar-editorial”, desde campanhas publicitárias e espetáculos artísticos até uma gama muito grande de eventos culturais que tenham os mais diferentes objetivos. A ideia passa, então, por um olhar que reúne diversas experiências midiáticas em um único conjunto estético, oferecendo com isso vivências ímpares aos participantes. No entanto, são poucos os que reúnem habilidades oriundas de vivências midiáticas específicas, por isso essa ideia contempla ainda a formação de pessoas que precisam reunir habilidades multifuncionais - artísticas, audiovisuais e digitais -, para se constituírem nos novos diretores de eventos, capazes de "tirar da cartola" soluções criativas com o uso da convergência tecnológica da qual estamos experimentamos. Em síntese, a ideia engloba proporcionar serviços de "editoria de produção criativa" para a qual seria possível reunir serviços especializados em facilitar a transmissão de conteúdos (englobando o literário, o digital, o artístico, o audiovisual) para servir a treinamentos e eventos culturais de amplo espectro. E, paralelamente, criar uma linha de cursos de formação de criação de mídia multiconvergente (web-writer, roteiro, produção de vídeo, edição de eBooks e de revistas interativas para gadgets, entre outras possibilidades).

Tenha acesso completo a essa ideia

Essa ideia é protegida. Gostou dela? Quer contribuir ou se tornar um sócio? O acesso é grátis , mas para isso é necessário solicitar permissão ao autor para ter acesso aos detalhes completos.

  • Solicitando acesso a ideia você pode:
  • - Contribuir com a evolução da ideia em um exclusivo espaço de coworking online;
  • - Conhecer melhor o autor da ideia e suas motivações;
  • - Melhorar seu grau de confiança na Socioteca;
  • - Mudar o mundo.

Observação: A decisão quanto ao aceite é inteiramente do autor. A Socioteca não intervem na decisão.

Sobre o autor

  • Felipe Chusyd (Moreno)
  • SAO PAULO - AC
  • Score: 12
  • Ideias: 2

Tenho forte inclinação ao pensamento analítico em contrapartida à criatividade na elaboração de histórias ficcionais. Trabalhei por muito tempo no Banco do Brasil, em áreas diversas como atendimento, marketing e processamento de dados, atividades essas que propiciaram desenvolver outras habilidades, como o trabalho com montagem de sites e produção e edição de livros digitais. Também trabalhei como roteirista para algumas empresas, dentre estas o SBT e como revisor, redator e tradutor para a Editora Maayanot. Atualmente, gerencio um microempreendimento na área de edição de livros digitais e sites.